sábado, 17 de janeiro de 2009

Desabafo de um Headbanger.

Esses dias estava pensando... o que passa pela cabeça desse pessoal q viveu o auge dos anos 80, a famosa NWOBHM (new wave of British Heavy Metal) a explosão do Heavy Metal no mundo todo,quando era considerado o estilo musical mais escutado entre os jovens. O que aconteceu com aquelas pessoas q usavam aqueles cabelos ridículos, aquelas calças apertadas e pq não, maquiagens bizarras. Será que hj em dia eles ainda tem fotos daquela época? Ainda guardam com orgulho seus porter’s, vinis, e ingressos de shows? Ou se tornaram pessoas normais, que escondem seu “passado obscuro”.
Pq muitas pessoas consideram o Heavy Metal uma fase da adolescência? Isso é tudo culpa dos posers? Dos falsos fãns? Aqueles em um passe de mágica, trocam seus Cd´s do Iron Maiden pelas “Melhores do Molejão”, suas camisas do Metallica por Abadás do Axé Brasil e passam a ser considerados “pessoas normais” aos olhos da sociedade?
Eu prefiro ser taxado de bêbado, de drogado, de louco, do que ficar rebolando como uma bichona em algum show da Ivete, ou me esfregando em alguma piriguete em um Funk qualquer. Pq somos considerados os diferentes?
Ai eu me pergunto...Aonde estão os 80´s??? O que aconteceu com os Headbangers de 20 anos atrás? Tornaram-se “normais”? Ou preferem viver escondidos? Pq é tão difícil achar alguém q curta Heavy Metal e tenha mais de 40 anos? Eu tenho 1 amigo Headbanger com mais de 40 anos, e nunca me canso de escutar suas histórias. Dos showzinhos que rolavam em BH, quando Sepultura era apenas mais uma bandinha qualquer, suas histórias sobre sua ida ao Rock In rio de 85.
Já dizia o mestre Kai Hansen “'cause it's not only music it's a chosen way of life”.
Estou no auge dos meus 23 anos, em março faço 25...
E me pergunto, o que será da minha vida daqui pra frente? Será q algum dia irei ceder, e levar uma vida “normal”? Como eu disse no primeiro post do Blog,
É mais uma coisa de "memória" sabe, tipo uma cápsula do tempo, vamos escrever e guardar pra mostrar para nossos filhos e netos, e dizer: "Olha como seu pai era retardado, filhinho! =P”
Daqui a 20 anos eu posto um “Reply” para esse post. Espero continuar o mesmo retardado de hoje em dia.

4 comentários:

Erica disse...

"Estou no auge dos meus 23 anos, em março faço 25"
Tadinho ele envelhece de 2 em 2 anos..kkkkkkkkkkkk

Gustav, The Viking disse...

Claro ^^

Anônimo disse...

E precisa ser retardado pra ouvir metal? Headbangers com mais de 40 anos vivem uma vida normal porque seria ridículo ter essa idade e ainda se comportar como se tivesse 15. Não é preciso nenhum estereótipo de conduta e vestimenta pra ouvir metal, basta ter ouvidos e bom gosto!

Kássia Reis disse...

Por onde estamos? Aqui mesmo. Torcendo pra cair um meteoro no boteco da esquina que só toca sertanejo, por exemplo. Sobrevivemos, meu caro. Tenha fé!..rs.. Gostei muito do seu blog.

Related Posts with Thumbnails